21 grandes designers e suas mentes criativas



O livro “21 grandes designers & suas mentes criativas” na minha opinião, deveria ser lido por todo designer já com alguma experiência no mercado. Quem o produziu foi Debbie Millman, que por si só, já é alguém com quem a gente aprende. E olha que ela “só″ fez as entrevistas com esses grandes designers, então é gente que tem muita experiência sendo entrevistada por uma grande profissional da área também.


Debbie Millman trabalha com design há mais de 20 anos, mora nos EUA (Nova York), tem um programa de rádio chamado “design matters” que é muito bacana (e também tem entrevistas gravadas com vídeo) e também é sócia e presidente do setor de design da Sterling Brands, uma das principais consultorias de marca dos EUA. Ela é instrutora da <em>“School of visual arts”, </em>colaboradora regular da Revista <em>Print</em> e ainda arrumou tempo, não sei como, para organizar esse livro.


Ela entrevistou grandes designers, como o cara da Pentagram (Michael Bierut), mas o interessante é que a gente vê nos entrevistados umas coisas que se aproximam do nosso dia a dia de “meros-mortais”, designers nem um pouco famosos como eles. rsrs


Parece um bate papo com um mentor ou um conselheiro, um amigo mais velho ou um professor particular. Ler frases como “você precisa firmar suas convicções, mesmo que sua convicção não agrade o cliente, porque depois é o seu trabalho que vai estar ‘na rua’”ou “você chega a uma fase da sua vida que percebe que não sabe nada de cor ou forma”ou ouvir de um deles que um de seus “métodos” de criação é ir sozinho para um café sem nada para ler e ninguém para encontrar ou começar um projeto com uma ideia que não tenha nada a ver com o projeto em si.


Isso nos aproxima desses profissionais e nos encoraja a tomar nossas decisões com mais segurança: aquelas que achamos serem as certas, mas muito arriscadas ou incomuns.


Talvez a tradução tenha deixado um pouco a desejar porque há umas frases que parecem não fazer muito sentido, mas isso pode ser também o jeito de falar do entrevistado. Para quem já lê em inglês normalmente, eu indicaria comprar o livro em inglês, para perceber as expressões e o conteúdo na sua forma original.


Uma outra dica é o site da Debbie Millman (http://www.debbiemillman.com) que tem muita coisa boa pra ver e uma entrevista bem legal!


<iframe src="https://www.youtube.com/embed/gBre88MsZZo" width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen="allowfullscreen"></iframe>


Ela também está no facebook!


Abraços!


Elize Garcia